29 dezembro 2017

BONS MOTIVOS PRA SER MALANDRA QUE NEM A ANITTA EM 2018

Não, esse texto não é mais um daqueles de crítica sobre o último clipe do projeto #CheckMate da Anitta. Na verdade, ele é um convite a buscar o melhor de você todos os dias.

Recapitulando a trajetória de Larissa/Anitta, a menina morava em uma comunidade no Rio de Janeiro e começou a cantar nos bailes funks cariocas. Em 2010 foi encontrada na internet, através de um vídeo que ela mesma postou, e passou a se apresentar nos eventos da Furacão 2000, uma gravadora independente.  Em 2012 lançou o single e clipe de “Meiga e Abusada” e depois disso não deixou de emplacar sucessos. Em 2017, além de ser eleita pela Billboard como a 15º artista mais influente do mundo nas redes sociais, ficando à frente de Lady Gaga, Shakira e Rihanna, ela quebrou os próprios recordes de acessos nas plataformas de vídeo ao firmar parcerias internacionais em “Sua Cara” e “Paradinha”, por exemplo. Em setembro ela iniciou o projeto #CheckMate que incluía o lançamento de singles e clipes mensais. Dessa forma, Anitta trouxe “Will I See You”, “Is That For Me”, “Downtown” e “Vai Malandra” com colaborações de diversos artistas latinos e norte-americanos. Você pode até não gostar do estilo de música que ela faz, mas é obrigado a admitir que Anitta é preferência (inter)nacional.





                                                                                                                                                                                                                                                                                

Aos 24 anos, todo o sucesso alcançado por Anitta não é fruto do acaso, mas sim de muito planejamento, trabalho e disciplina. Ela é uma malandra das boas e aqui eu uso o melhor sentido que a palavra pode ter. Na verdade, eu sou fã da Anitta por perceber nela uma mulher que conhece bastante de seu potencial. Como seria lindo se as nossas mães, irmãs e amigas soubessem o potencial que existe em cada uma delas. Seria incrível se as nossas mulheres realizassem mais sem gastar energia pensando: “será que alguém vai se incomodar com o que eu estou fazendo?”. Anitta mostrou que é sim possível superar dificuldades e ser melhor do que os outros imaginam. Anira mostrou que é possível superar as próprias expectativas e é isso que eu gostaria de pedir pra vocês. Tenho encontrado mulheres maravilhosas, mas que não se permitem mais sonhar e realizar. É como se a argamassa de conformismo nos paralisasse. É como o “ah, não vai dar certo mesmo” fosse uma máxima na cabeça da gente e não nos permitisse crescer. Um ano novinho está cheio de novas oportunidades para que todo esse poder que existe dentro de cada menina possa vir pra fora. Permita-se, por favor! Você é importante, você é necessária e o mundo inteiro seria muito mais feliz se você colocasse em prática as suas ideias, suas vontades e os seus sonhos.


Realizar é possível. Através da sua vida você pode transformar muita coisa ao seu redor, acredite. Aprenda a dizer sim às oportunidades e às portas que se abrem. Aprenda a extrair o melhor de cada pessoa e, no sentido mais singelo da palavra, aprenda a utilizar o que cada um tem a oferecer para a realização dos seus sonhos. E seja assim para outras pessoas também. Busque, corra, caia, levante, aprenda, avance. Não seja alguém apenas cheia de potencial. Seja alguém que luta ao máximo por seus objetivos. Que no final de 2018 você possa sentir que fez tudo que pôde pra fazer feliz a pessoa mais importante desse mundo: você mesma. Realizar é possível!

Vai, Malandra.

Ilustro o post com algumas imagens minhas de biquíni preto, que não é de fita isolante, mas já dá pra brincar, né...hahaha.

Um beijo,
Bella.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante pra gente. Se joga <3

Posts Recentes

recentposts

Mais Vistas

randomposts

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *